Pages

segunda-feira, 1 de agosto de 2011

Ela contida

Ouvi dizer que os sonhos dele são os mesmos que o seu. Ontem, flutuei sobre seus pensamentos na hora de seu descanso e vi o quão fica feliz em ter a mesma imagem que ti.
Por mais que ele não saiba... Ou desconfie... Ou sabe e não demonstre, a sensação pra ambos torna-se incrivelmente viajante.
Por mais que eu, com todas as forças, não veja ele em seu futuro, acredito que a esperança possa mover algo, mudar o destino,diminuir essa terrível distância e limpar sua visão.
E sei que já é de praxe essa sua vontade. Uma dor contínua que acabou encontrando moradia em seu corpo, fazendo parte do mesmo. Então... Não sente, não muda, não ameniza. Apenas disfarça, segue e vaga seus pensamentos duvidosos com ele.
E às vezes percebo seu sorriso repentino, sem motivo... E não consigo encontrar o por quê disso.
De tudo que sei, e ainda encontro aprender, seu desejo é visivelmente percebido por qualquer um, e se for por medo de não transparecer por própria decisão... Esconda esse medo na gaveta, tranque a sete chaves e mude a música, pois essa apenas alivia sua dor e não lhe move.

1 comentários:

Patrícia ♥ disse...

Tem selinho pra vc no meu Blog (:

Beijoos!!

http://pathyoliver.blogspot.com/2011/08/600-seguidores.html

Postar um comentário

 

Blog Template by YummyLolly.com